ComunidadeThe Sims 4

The Sims 4: Petição Pede Mais Transparência sobre Bugs do Jogo

Mais de 12.000 pessoas assinaram a petição que exige maior transparência em relação aos bugs do The Sims 4.

Nos últimos meses, a comunidade The Sims tem demonstrado estar bastante insatisfeita, em um nível acima do normal, com a enorme quantidade de bugs que o The Sims 4 vem apresentando. Só para se ter uma ideia, nunca foi visto tantos comentários nas redes sociais, por parte dos jogadores, pedindo para que o jogo seja consertado, como agora. E a indignação e preocupações só aumentam.

Em um mundo ideal, o The Sims 4 receberia um número de correções de bugs maior do que a capacidade que as novas atualizações de jogo tem de gerar novos bugs, no entanto, a Equipe The Sims parece não estar conseguindo chegar nem mesmo em um ponto de equilíbrio entre correções e novos problemas, fazendo com que o jogo fique cada vez mais quebrado, e frustrando a experiência de gameplay dos jogadores, que tem deixado muito a desejar.

A situação está tão ruim, que alguns bugs chegam a levar mais de um ano para serem corrigidos, como aquele que fazia os Sims ficarem congelados de braços abertos na sala de cirurgia da expansão “The Sims 4 Ao Trabalho”, e até mesmo novos pacotes estão sendo disponibilizados sem que ao menos funcionem adequadamente, como o “The Sims 4 Histórias de Casamento”, que teve um lançamento desastroso devido a uma enorme quantidade de bugs que tornava o pacote praticamente injogável.

Agora, mais recentemente, a atualização que antecedeu o lançamento do The Sims 4 Vida no Ensino Médio Pacote de Expansão, lançada em julho deste ano, gerou um verdadeiro caos na comunidade, com bugs como Sims envelhecendo automaticamente após telas de carregamento (já corrigido), bug que faz o tempo do jogo voltar para o dia anterior (não corrigido), além de muitos bugs com a própria nova expansão, muitos deles ainda não corrigidos também.

Para piorar ainda mais, a última atualização de jogo do The Sims 4, lançada no dia 30 de agosto, e que todos acreditavam que iria resolver muitos bugs da expansão The Sims 4 Vida no Ensino Médio, provou ser uma grande decepção, pois ao invés de trazer as correções que todos estavam aguadando, ela na realidade pareceu se focar mais em correções e melhorias para o recurso de cenários do jogo, algo que irritou muitos jogadores.



Petição: EA, dê transparência aos seus fãs

Devido a todos os problemas que foram mencionados acima, e mais outros, um jogador brasileiro de The Sims chamado Vinícius de Aguiar, criou uma petição no change.org que pede maior transparência por parte da EA e da Maxis (estúdio que desenvolve o The Sims), em relação a situação atual do jogo e seus bugs. A petição até o momento já chegou a mais de 12.000 assinaturas, e você também pode participar dela.

Descrição:

O The Sims 4 completou 8 anos. O jogo trouxe muito conteúdo que os fãs nunca viram antes. Mas isso veio com um preço: sempre que um novo pacote ou atualização gratuita é lançado, várias novas falhas e bugs aparecem. Embora programação seja realmente muito complexo e algumas coisas inevitavelmente passarão despercebidas, isso se tornou um hábito grande e desagradável. Os fãs estão implorando para saber por que a EA está permitindo que seus pacotes e atualizações venham com tantos bugs. Histórias de Casamento e a atualização gratuita antes do Vida no Ensino Médio são os exemplos mais notáveis.

Por favor, EA, se você não pode adiar o conteúdo planejado futuro para se concentrar em consertar tudo o que você tem até agora, diga-nos o porquê! Por que você está permitindo todos esses problemas? Por que você está deixando o trabalho de detectar e corrigir bugs para os jogadores? Nós merecemos saber. Você disse que tem valores éticos. Você disse que quer trazer alegria para os fãs. Muito bem. Agora, é hora de provar isso.

Participar da Petição


Fonte
Change.org

SimsTime

Como editor do SimsTime, o meu trabalho por aqui é trazer diariamente notícias, novidades e informações relacionadas ao mundo Simmer, mantendo todos sempre bem informados!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo