BugsThe Sims 4

The Sims 4: Lista de Bugs Pendentes do Jogo (Setembro – 2021)

Esses são os bugs pendentes do The Sims 4 que mais tem preocupado a comunidade no mês de setembro, e estão sendo analisados pela Maxis.

A Maxis disponibilizou hoje a Lista de Bugs Pendentes do The Sims 4 de setembro de 2021. Atualmente, os bugs citados na lista são alguns dos que mais tem preocupado os jogadores, e que já estão sendo analisados pelos desenvolvedores do jogo para que suas correções sejam lançadas o mais rápido possível. Confira:

The Sims 4: Lista de Bugs Pendentes do Jogo (Setembro – 2021)

Olá, Simmers!

Boas-vindas à Lista de Tarefas, na qual compartilhamos uma lista das principais preocupações da comunidade. Estamos investigando estas questões no momento e esperamos resolvê-las até a próxima atualização. Esta é apenas uma lista otimizada. Há outros assuntos que não estão na lista, relatados pelas pessoas que jogam, mas que estão sendo trabalhados.

Estas preocupações foram relatadas por jogadores e jogadoras, que nos ajudam a continuar com o nosso trabalho de melhorar a experiência do usuário regularmente.

Observe que alguns assuntos podem ser difíceis e exigir que façamos uma investigação mais profunda, então, o fato de trabalharmos ativamente nisto não é uma garantia de que a falha será corrigida na próxima atualização.

Veja a seguir a lista dos principais problemas da comunidade, que estamos investigando para a atualização de jogo deste mês:



Agradecemos sua paciência e sua valiosa ajuda! Continue nos informando no Answers HQ sobre os problemas que você está encontrando. Vamos continuar trabalhando para melhorar a nossa transparência. Juntos, poderemos fazer deste jogo o melhor que ele pode ser. Bom jogo!

Fonte
EA Sims

SimsTime

Como editor do SimsTime, o meu trabalho por aqui é trazer diariamente notícias, novidades e informações relacionadas ao mundo Simmer, mantendo todos sempre bem informados!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo